33 minutes | Jan 28th 2021

As marcas registradas da cozinha de SP

Nesta semana, São Paulo completou 467 anos. Na capital paulista, muitos italianos, libaneses, espanhóis, japoneses, e também brasileiros de outros cantos do mapa, decidiram fincar suas raízes. E isso resultou numa variedade etnográfica na culinária da cidade. Hoje, a cidade é reconhecida pela gastronomia e alguns clássicos se tornaram até ponto turístico, caso do sanduíche de mortadela do Mercadão. O novo episódio do Expresso Ilustrada desta semana conta a história das marcas registradas da cidade, explica por que se tornaram clássicos e também conta com depoimentos de algumas das pessoas por trás desses sabores. Para falar sobre as marcas registradas da cidade, o podcast contou com depoimentos da Kuniko Yohana, do Pastel da Maria; o chef do Mocotó Rodrigo Oliveira, o sociólogo Carlos Alberto Dória, autor de obras como "A Culinária Caipira da Paulistânia" (ed. Três Estrelas); o gerente da Di Cunto Ricardo Farias Rodrigues; Roberto Frizzo, dono do Frevo; Caire Aoas, sócio do Fábrica de Bares, que administra o Bar Brahma e Fabio Donato, da Pizzaria Castelões. Também participa o jornalista Marcos Nogueira, do blog Cozinha Bruta, da Folha.  See omnystudio.com/listener for privacy information.
Play
Like
Play Next
Mark
Played
Share